Graffiti, das ruas para a galeria

O graffite teve sua origem na pichação de muros públicos e tem suas origens no Império Romano, no qual inscrições eram feiras em muros públicos. Em 1968 surgiram manifestações em Paris, com intuito de usar a técnica como instrumento de protesto contra as condições de classes menos privilegiadas.

A fachada da galeria ganha as tintas dos artistas; na foto, obra de Ramon Martins

Nos dias de hoje, o graffiti foi incorporado pela moda, pela publicidade e acabou chegando às grandes galerias de arte, a fim de democratizar a chamada “arte de galeria”. Segundo o ministério da cultura, mais de 90% dos brasileiros nunca puseram os pés em uma galeria de arte.

Mas ao ao colocarmos essa forma de arte, que foi criada na rua, com vocações sociais dentro de estabelecimentos nos quais apenas uma pequena parcela da população tem acesso, criamos um conflito dentre os apreciadores e os produtores do graffiti. Para o crítico de arte Paulo Klein, da associação Brasileira de Críticos de arte, trata-se de “arte de rua”, mesmo que ela sendo produzida em salões da elite. Celso Gitahy, afirma que “faz anos que o graffiti está em muses e galerias e acho isso bem saudável, pois trata-se de reconhecimento

A discussão não é vã. Ela pode influenciar, por exemplo, a valoração dos trabalhos e, por isso, direta ou indiretamente, direções estéticas. Hoje, como estão sendo valorizados esses grafiteiros, que ainda começam a ganhar experiência de mercado? Muitas vezes, é a galeria que sugere o valor das obras, com base em critérios como conceito, técnicas, formato, entre outras características comerciais que estão na base do trabalho de uma galeria de arte, capaz de gerar o ciclo de mercado.

Acervo da Choque Cultural: atendimento a colecionadores

O importante é ressaltar todas as formas de arte, elas estimulam a criatividade, são usadas como forma de manifestações e nos fazem fugir desse mundo cheio de aflições e desigualdades.

Fonte: http://www.arede.inf.br/inclusao/edicao-no36-maio2008/1379

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s